Compartilhe
facebook twitter gplus mail

Grupo Especial Índia Festival Kumbh Mela

05/09/2018
O Kumbh Mela reúne até 70 milhões de pessoas quatro vezes a cada 12 anos
A hospedagem será feita em gampling especial, projetado para ter a melhor vista do evento

O festival Kumbh Mela, na Índia, é o destino do primeiro Grupo Especial Teresa Perez EPIC em 2019. 

De 3 a 14 de fevereiro, o grupo irá presenciar o festival mais antigo da história da humanidade, que reúne cerca de 70 milhões de pessoas quatro vezes a cada 12 anos. O roteiro terá início em Délhi e incluirá passagens pela cidade sagrada de Varanasi e por cidades do dourado Rajastão. Um dos destaques da viagem será a companhia do jornalista Arthur Veríssimo. O apresentador é profundo conhecedor da Índia e suas tradições, onde já esteve por 20 vezes incluindo 6 passagens pelo Kumbh Mela.

Outro highlight da viagem é a hospedagem: a estadia do grupo durante o festival será realizada em um glamping especialmente projetado para o Kumbh Mela, com todo o conforto e vistas espetaculares para os rituais.

Passeios em Old Delhi, visitas à Mesquita Jama Masjid, uma das maiores de toda a Ásia, ao Forte Vermelho, símbolo do poder Mongol, ao mercado Chandini Chowk, e ao Raj Ghat, memorial dedicado a Mahatma Gandhi também estão no roteiro do grupo, além de passeios de barco no rio Ganges e visita à Sarnath, um dos mais importantes centros budistas do planeta. 


O Festival Kumbh Mela
Por Arthur Veríssimo*

O Kumbh Mela é o festival mais antigo da história da humanidade e reúne mais de 70 milhões de pessoas. A mitologia do festival está inserida nos livros sagrados hindus e seus rituais já lotavam as margens dos rios do subcontinente indiano séculos antes de Cristo. O primeiro registro escrito só foi feito no século 7 d.C. pelo viajante chinês Hiuen Tsiang, que naquele período calculou 500 mil pessoas presentes no evento. A época e duração do festival são definidas pelo alinhamento dos planetas e pelo movimento de Júpiter pelo Zodíaco. O mito baseia-se na grande batalha dos Deuses e os Asuras (demônios) pelo pote sagrado que continha o néctar da imortalidade, o Amrita. Segundo a crença, o deus Vishnu (que sustenta e mantém o universo) capturou o vaso deixando 4 gotas caírem onde hoje localizam-se as cidades sagradas, lugares onde o festival é realizado. Desde então, a cada doze anos celebra-se o contato da substância divina com a Terra em seus rios. Em uma demonstração de fé emocionante, milhões de peregrinos reúnem-se para se purificar nas águas sagradas em datas pré-estabelecidas com o ciclo lunar. Sendo as noites de lua Nova e Cheia as mais auspiciosas para os banhos. Estar presente no Kumbh Mela purifica os pecados cometidos nesta encarnação e em todas as vidas passadas, de acordo com os preceitos hinduístas.

* Arthur Veríssimo é jornalista e autor de inúmeros livros, entre eles o Karma Pop, e em 40 anos de viagens e pesquisas in loco conheceu a fundo diversas manifestações religiosas, xamânicas e coletivas pelo planeta. Esteve na Índia, uma de suas maiores paixões, por mais de 20 vezes, incluindo 6 festivais Kumbh Mela na bagagem.

 

Grupo Especial Teresa Perez EPIC
Festival Kumbh Mela, na Índia
3 a 14 fevereiro 2019

Para informações sobre reservas e detalhes do roteiro, fale com a gente pelo info@teresaperez.com.br ou pelos telefones 11 3799.4000 | 31 3131.3000  | 61 3217.2300

1 Comentário
Regina Adegas
10/09/2018
Gostei muito da proposta de viagem , gostaria de receber maiores informações . Já viagem com vcs em roteiro individualizado para a Provence!
Teresa Perez
10/09/2018
Boa tarde, Regina. Que ótimo, essa viagem será fantástica! Enviamos a sua mensagem para a área responsável, em breve entraremos em contato. Boas viagens!

Comentários com conteúdo impróprio e/ou spam poderão ser removidos.